Alto Astral

Alto Astral, por Constança Basto

Por Constança Basto | Publicado em 14 de novembro de 2018

É uma imensa alegria e um prazer estar aqui e poder dividir com vocês um pouco desse conhecimento fascinante que é a astrologia. Aqui nesta coluna pretendo semanalmente falar dos encontros dos astros no céu e as fases da lua que tanto influenciam nossos humores. Espero com essas dicas poder ajudá-los a entenderem seus momentos e sensações e sobretudo a fazerem escolhas mais harmônicas que tragam mais contentamento e alto astral no dia-a-dia. Quando sabemos o que acontece no céu, fica mais fácil entender o que se passa conosco. É sempre importante nos observarmos e nos percebermos. Quanto mais fazemos isso, mais nos acolhemos e às nossas questões e emoções sem tantos julgamentos. Para começar a falar do céu, a protagonista é sempre a magnífica Lua e sua fase, afinal, é ela que vai dar o tom da semana. No dia 15, quinta feira, a Lua atinge seu quarto crescente no signo de Aquário encontrando o Sol no signo de Escorpião. A Lua crescente é a fase perfeita para dar impulso a novos projetos, meter a mão na massa. É o período de crescimento e desenvolvimento das nossas intenções e sementes plantadas na Lua nova. É a etapa do ciclo lunar ideal para enfrentar todos os obstáculos com determinação e persistência. É um período de bastante movimento, em que as coisas se aceleram. Durante a Lua crescente, nossos ideais ficam mais claros e fica mais fácil decidir onde focar nossas forças. Bom momento para se dedicar de corpo e alma e ver projetos ou ideias ganhando corpo e se desenvolvendo no decorrer da próxima semana. Temos, por um lado, uma Lua em Aquário que fala de abrir a mente para o que existe de novo a sua volta, para novos aprendizados, novas pessoas, novas e inusitadas conexões e experiências. E a medida que conhece o novo, Aquário se atualiza, se reinventa. Esse signo é focado no futuro, quer criar novas maneiras de viver e de fazer as coisas, precisa quebrar paradigmas. Por outro lado, temos o Sol em Escorpião, e esse é um signo que trata de fortes emoções. Nada é morno em Escorpião, é tudo ou nada, fortes intuições, intensa sensibilidade, mistério e interiorização. E a tarefa desse período é justamente promover uma transformação e renovação interna que permitam uma abertura e mudança no nosso olhar, uma mudança de atitude para com as questões do social e do coletivo, e assim produzir melhores resultados nas relações. A boa notícia da semana é a volta da Vênus ao seu movimento direto na sexta-feira dia 16, ela estava retrogradando desde 5 de outubro, nos forçando a repensar e rever nossas relações, trabalhar ressentimentos e mágoas guardadas, corrigir falhas nos nossos relacionamentos, parar e refletir sobre as questões do coração. Agora as coisas voltam a se movimentar nessa área e a dica é olhar para frente e focar no nosso desejo de criar e desenvolver relações sadias e felizes. Como Vênus tem relação com nossa produção material também, as coisas tendem a se desenrolar e entrar numa fase mais produtiva agora, com maiores ganhos. Em compensação, para o susto de alguns, Mercúrio começa a andar para trás no mesmo dia 16, e ficará retrógrado até dia 6 de dezembro, e aqui precisamos ficar bastante atentos a tudo que lida com a comunicação, ler e reler e-mails antes de mandar, atentar a todas as linhas dos contratos antes de assinar, cuidar com o que falamos para quem e como, ter bastante atenção às negociações, trocas, relações comerciais. Pensar muito bem antes de nos comprometermos com algo e ter cuidado sobretudo com os mal-entendidos que costumam ocorrer nessa fase. Bom momento para revisões em geral! Mercúrio também faz quadratura com Netuno e este aspecto pode deixar a mente mais avoada e distraída. Redobrem a atenção! Uma outra característica é a tendência à distorção, atenção para a veracidade das notícias e informações e cuidado com as notícias falsas. No meio da semana, no dia 15, teremos o encontro harmonioso entre Urano e Marte. Urano fala de liberdade; Marte de ação, e as energias ficam exacerbadas, o drive aumenta, as ações ficam rápidas, há urgência nas decisões, tudo que esteve parado até aqui vai ser ativado e entra em movimento. Logo em seguida, Marte faz quadratura com Júpiter e a ideia é não exagerar, seja na agressividade, no entusiasmo, trabalhar demais, comer demais, o que quer que seja em excesso pode nos trazer problemas nesse período. Atividades físicas podem ajudar a gastar a energia que temos de sobra nesses dias, mas até aqui é preciso atenção para não se machucar. Urano na semana passada, em seu movimento retrógrado, voltou para o signo de Áries onde ficou nos últimos 7 anos, para finalizar esse ciclo e nos fazer compreender de uma vez por todas, que é preciso agir sim, mas precisamos cuidar com o excesso de individualismo. Urano traz imprevistos, reviravoltas e trata da coletividade. Esse posicionamento veio lembrar que é fundamental que nossas ações sempre levem em consideração o outro, a sociedade e o coletivo. Queria falar também de um evento muito importante que aconteceu no meio da semana passada, e segue pelo próximo ano: foi a entrada de Júpiter em Sagitário, o signo que ele rege.  Sempre que o planeta entra no signo que rege, age com sua força total, está bastante confortável. Júpiter é o planeta que fala da expansão, do conhecimento que nos leva além, das longas viagens, de abundância, dos mestres na nossa vida, das inspirações e principalmente de ter um propósito na vida pelo qual lutar e certamente esse planeta vai nos incentivar a crescer, a olhar para mais longe, a focar no nosso desenvolvimento, correr atrás e aprender mais, conhecer mais e sobretudo buscar novos horizontes e realizar nossas mais sonhadas metas. Vamos aproveitar as potências dos encontros astrais dessa semana que podem ser muito benéficos se fizermos a nossa parte e cuidarmos dos excessos, desperdícios e tomarmos atenção às nossas trocas. Boa semana a todos!

RESUMO DA SEMANA:

  • Lua nova em Aquário: pede para abrir a mente para o que existe de novo a sua volta.
  • Sol em Escorpião: promove uma transformação e renovação interna.
  • Vênus direta em Libra: no ar o desejo de criar e desenvolver relações sadias e felizes.
  • Mercúrio retrógrado em Sagitário: faça atenção redobrada a tudo que assina, escreve, fala, promete, pense e repense antes de tomar decisões.
  • Mercúrio quadrado Netuno: mente mais avoada e distraída.
  • Marte sextil Urano: ação com liberdade, ousadia e inventividade.
  • Urano em Áries: ações imprevistas e reviravoltas, cuidado com o excesso de individualismo, pensem no coletivo!
  • Marte quadrado Júpiter: não exagere no drive, na agressividade ou em qualquer coisa que faça, exercite-se.
  • Júpiter em Sagitário: expansão, crescimento, oportunidades, novos horizontes, cuide com os excessos até mesmo de otimismo, que podem ser irreais.
ARTE: Rythm Colour nº 1076, de Sonia Delaunay (1939)

Constança Basto é astróloga e divide seu tempo entre livros, mapas, sinastrias, previsões e ama tirar dúvidas astrológicas. Quem quiser continuar o papo alto astral, entre em contato pelo e-mail, pelo Instagram @constancabasto ou envie um comentário para a coluna.

 

veja também

by mg studio