Arte & Cultura, Mostra, Programe-se, Programe-se na Home

Guias com deficiência visual conduzem experiência multissensorial dos visitantes na exposição Diálogo no Escuro

Por Agenda Carioca | Publicado em 8 de maio de 2023

Até 30 de julho, a exposição Diálogo no Escuro oferece uma experiência multissensorial às escuras, conduzida por guias com deficiência visual. Munidos de bengalas, os visitantes têm a oportunidade de experimentar não ver o mundo, mas senti-lo, experimentá-lo, da mesma maneira que os não videntes o percebem. No trajeto, guiado por pessoas com deficiência visual, o público passa por ambientes que simulam parques, ruas e feiras, onde experimenta sons, cheiros, texturas e temperaturas. 

Em um dos ambientes, o visitante é convidado a se sentar num banco e, ali, ocorre um dos momentos mais tocantes, com a aproximação e interação entre quem é conduzido e quem conduz: o guia se apresenta, responde às dúvidas e curiosidades e fala um pouco de sua história, suas dificuldades e necessidades e anseios.

LEIA TAMBÉM:

- Ex-morador de rua faz sua primeira exposição em galeria de arte do Rio

- Museu Histórico Nacional ganha visita ‘decolonial’ gratuita em abril

- ‘Studio Drift – Vida em Coisas’ mostra que tecnologia e natureza dão match

“Não posso mudar pensamentos, mas sim as atitudes das pessoas”, afirma Carla Gomes da Rocha, de 42 anos, que nasceu com deficiência visual congênita, e é guia master da exposição, ou seja, ela treinou os guias que, como ela, também não têm a visão, para a experiência de conduzir os visitantes durante todo o percurso, no escuro. 

“É muito gratificante poder transmitir segurança e confiança aos visitantes. Assim é o nosso dia a dia, pois, muitas vezes, dependemos dos outros para atravessar uma rua ou chegar a um determinado local”, completa Carla, que é psicóloga com pós-graduação em Atendimento Educacional Inclusivo, sobre a expectativa de contribuir com a vivência dos visitantes.

Uma iniciativa da Calina Projetos, da Dialogue Enterprise, com sede em Hamburgo, Alemanha, e do Museu Histórico Nacional, como parte das comemorações de seu centenário, o projeto passou por 47 países, incluindo o Brasil, onde mais de 200 mil visitantes já passaram por essa experiência. No mundo, já são mais de 10 milhões de pessoas, 170 cidades e 29 localidades. 

A exposição Diálogo no Escuro fica em cartaz até o dia 30 de julho no Museu Histórico Nacional, na Praça Marechal Âncora, no Centro do Rio. Quintas e sextas, das 10h às 16h; sábados e domingos, das 13h às 16h. A entrada é gratuita. Aos finais de semana, a dica é chegar mais cedo, para evitar ficar de fora, já que a entrada é por ordem de chegada.

SERVIÇO:
Exposição Diálogo no Escuro 
Até 30 de julho de 2023. Quintas e sextas, das 10h às 16h; sábados e domingos, das 13h às 16h.
Museu Histórico Nacional (Praça Marechal Âncora S/N, Centro, próximo à Praça XV)
Entrada gratuita. É necessário ser maior de 8 anos para ter acesso à exposição, e menores de 12 anos precisam estar acompanhados dos pais ou responsáveis.
Agendamentos para grupos pelo e-mail: [email protected]

veja também

by mg studio